“Fiz 21 mudan√ßas de casa ao longo da minha vida‚ÄĚ contava ela quase todas as vezes que nos encontr√°vamos. ‚ÄúJ√° morei em esta√ß√£o de trem, em vag√£o de trem..‚ÄĚ continuava.
⠀
Eu, menina, depois menina-mulher, depois mulher-menina ouvia atenta minha av√≥ Iolanda contar suas hist√≥rias de vida, com os detalhes de sua for√ßa e sabedoria diante das circunst√Ęncias da vida.

Era quase que imposs√≠vel, diante da minha realidade, n√£o me colocar no lugar dela e imaginar como teria sido diferente viver na sua √©poca, com as suas condi√ß√Ķes. Quase que ao mesmo tempo abastecia o meu cora√ß√£o de admira√ß√£o, for√ßa. A narrativa seguia com momentos de cumplicidade em fam√≠lia, simplicidade, integridade, respeito, disciplina, outras dificuldades, acolhimento e amor, muito amor.

Uma base forte e coerente, que encontrei e encontro nos meus tios, primos, no meu pai, irmão e em mim. Durante nossa convivência aprendi que podemos mudar de casa, espaço físico, mas o lar vai com a gente, com quem mora, e pode ser absorvido por todos que comem um pedaço de rosca e tomam uma xícara de café em volta da mesa. Ela fazia o tempo parar pra conversarmos com ela. Que saudade!

Nossas histórias, nossas memórias, os valores, os sentimentos, os desejos, os momentos, a família e o amor, que constituem um lar ocupam e querem ocupar um espaço em nossas vidas.

Escrevi esse texto sobre ‚ÄúAlgo que Aprendi com Algu√©m‚ÄĚ durante um curso*. Foi um momento de muita emo√ß√£o, resgate, reconex√£o, gratid√£o, saudade…
⠀
E voc√™? Experimenta fazer esse exerc√≠cio. Escreva algo sobre aquela pessoa que marcou a sua vida de alguma forma… deixa vir do cora√ß√£o, da alma.

Se sentir vontade, compartilha comigo ūüėČ

 

*Curso ‚ÄúMonsters of The Future #2‚ÄĚ da @oficiallittlemonster

Nosso blog
Instagram