Alguém já te fez esse convite antes? Não? Antes de recusar, vou te contar…

O Japão lançou, em 1982, um Programa Nacional de Medicina Preventiva batizado de Shinrin-Yoku.

Shinrin-Yoku significa ‘passar mais tempo em meio às árvores’, em estado de contemplação, em silêncio, caminhando de forma descontraída, sem atividade física ou corrida.

Confesso que entrei em contato com esse conceito recentemente. Como estou nessa ‘campanha’ de inspirar um maior número de pessoas a se reconectarem com a natureza, dentro ou fora de casa, decidi compartilhar com você.

Intuitivamente, sempre me senti bem em meio a natureza. Acho que acontece isso com a maioria das pessoas, certo? Mas, nas últimas décadas, tem havido muitos estudos científicos, psicológicos e físicos, que demonstram os mecanismos por trás dos efeitos curativos de estar em contato regular com a natureza. Não se trata somente de ar fresco…

Por exemplo, as árvores liberam compostos orgânicos, óleos de proteção contra germes e insetos. Esses óleos, chamados de Phytoncides, aumentam as células NK (Natural Killer) do nosso corpo, que fazem parte da maneira como o nosso sistema imunológico combate o câncer. Não é demais?!

Estudos revelam que a floresta:

  • diminui a pressão arterial
  • reduz o hormônio do estresse
  • reduz a depressão, enquanto recarrega energia
  • melhora o humor
  • aumenta a capacidade de concentração
  • eleva a sensação de bem-estar
  • melhora a qualidade do sono

Além disso, despertar e ampliar os nossos sentidos para a natureza ajuda a desenvolver a nossa intuição e nos conecta com o mundo ao nosso redor.

E então? Você aceita o meu convite inicial? Que tal um banho de floresta? 😉

Nosso blog
Instagram